Pesquisa Autores | Resultados | Ficha


MANTA, João Abel (1928 - ?)

Com formação em arquitectura pela Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa (1951), e autor de uma obra multidisciplinar, João Abel Manta tem trabalhado disciplinas como a pintura, ilustração, design gráfico, cerâmica, tapeçaria, mosaico e cartoon. Filho dos pintores Abel Manta (1888-1982) e Maria Clementina Carneiro (1898-1992), este arquitecto-artista foi condecorado com o Prémio Nacional da Sociedade Nacional de Belas Artes (1949) e o Prémio da Fundação Calouste Gulbenkian (1961). Na década de 1950, João Abel Manta, enquanto arquitecto, previu a integração do azulejo na arquitectura, de que é exemplo o Conjunto Habitacional da Avenida Infante Santo onde é co-autor, juntamente com Alberto José Pessoa (1919-1985) e Hernâni Gandra (1914-1988). Os quatro painéis cerâmicos aplicados neste conjunto arquitectónico foram da autoria de Maria Keil (1914-2012), Sá Nogueira (1921-2001), Carlos Botelho (1899-1982), Júlio Pomar (n. 1926) e Alice Jorge (1924-2008). Esta obra ganhou, em 1957, o Prémio Municipal de Arquitectura. Foi também na década de 1950 que, enquanto artista plástico, começou a integrar o azulejo na sua obra artística, como acontece com os projectos para o restaurante do Hotel Avenida, na Avenida Infante Santo, em Lisboa (1952) e para a Escola Primária do Alto dos Moinhos, também na capital (1955). Entre 1958 e 1961, idealizou um conjunto de obras em azulejo para o edifício da Associação Académica de Coimbra, projecto arquitectónico em que também foi co-autor juntamente com Alberto José Pessoa. Para este espaço João Abel Manta criou o painel alusivo às "actividades culturais da Associação Académica", colocado junto ao lago do jardim, e um conjunto de sete painéis, sob o tema dos trajes académicos entre os séculos XIV e XIX, aplicados na fachada deste edifício. Na década de 1970, concebe o "polémico" revestimento azulejar para o muro de suporte de terras na Avenida Calouste Gulbenkian (1970-1972), em Lisboa, que só viria a ser aplicado em 1982. Todavia, e apesar de na sua produção artística a cerâmica não ser a disciplina onde se notabilizou, o seu trabalho para o "paredão" da Avenida Calouste Gulbenkian, que previa a requalificação da paisagem urbana daquela zona da capital, é uma das obras de referência da produção azulejar contemporânea, no contexto da arte pública, sendo um dos marcos da memória da cidade de Lisboa. [Inês Leitão, ficha realizada no âmbito da dissertação - "A arte pública e a construção do lugar. A presença do azulejo (1970-2013)"]


Cronologia

- 1928-01-29 [Nascimento]
Nasceu em Lisboa, filho dos pintores Abel Manta e Clementina Carneiro de Moura

- 1981-00-00 | 1993-00-00 [Formação]
Frequentou o curso de arquitectura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa

- 1952-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Avenida Infante Santo, Hotel, restaurante (Henriques - 1949-1974. A Construção [...], p. 85)

Notas: Conjunto de dois painéis

- 1955-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Alto dos Moinhos, Escola Primária (Sítio web Lisboa Património Cultural [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.lisboapatrimoniocultural.pt/artepublica/azulejaria/autores/Paginas/Joao-Abel-Manta.aspx)

- 1960-00-00 [Painel de azulejos - identificado]
Coimbra, Associação Académica de Coimbra, jardim, lago

Notas: Painel executado sob um cartão de João Abel Manta

- 1960-00-00 | 1961-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Coimbra, Associação Académica de Coimbra, exterior (Sítio web Cerâmica Modernista em Portugal [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://ceramicamodernistaemportugal.blogspot.pt/search?q=jo%C3%A3o+abel+manta)

Notas: Conjunto de sete painéis

- 1960-00-00 | 1980-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=230960)

Notas: Nº inv. 1694 Az

- 1960-00-00 | 1980-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=230958&EntSep=0&EntRegAss=1#gotoPosition)

Notas: Nº inv. 6451 Az

- 1970-00-00 | 1982-00-00 [Revestimento cerâmico - documentado]
Lisboa, Avenida Calouste Gulbenkian, muro de suporte de terras (Henriques - 1949-1974. A Construção [...], p. 85-87)

Notas: O projecto do painel foi feito entre 1970 e 1971, mas a sua execução ocorreu apenas em 1982

- 1972-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=229523)

Notas: Nº inv. 3117 Az. Este painel é uma réplica de uma secção do revestimento cerâmico do muro de suporte de terras da Avenida Calouste Gulbenkian. Foi doado ao Museu Nacional do Azulejo pelo autor

- 1972-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=229524)

Notas: Nº inv. 3118 Az. Este painel é uma réplica de uma secção do revestimento cerâmico do muro de suporte de terras da Avenida Calouste Gulbenkian. Foi doado ao Museu Nacional do Azulejo pelo autor

- 1972-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=232695)

Notas: Nº inv. 5934 Az. Este painel é uma réplica de uma secção do revestimento cerâmico do muro de suporte de terras da Avenida Calouste Gulbenkian. Foi doado ao Museu Nacional do Azulejo pelo autor

- 1972-00-00 [Painel de azulejos - documentado]
Mafra, Caixa Geral de Depósitos (Sítio web Lisboa Património Cultural [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.lisboapatrimoniocultural.pt/artepublica/azulejaria/autores/Paginas/Joao-Abel-Manta.aspx)

- 1997-00-00 [Revestimento cerâmico - identificado]
Lisboa, Eixo Norte-Sul, muro separador da estrada

Notas: O revestimento localiza-se entre o Aqueduto das Águas Livres e a estação de comboios de Campolide

- 1998-00-00 [Azulejo - documentado]
Lisboa, Museu Nacional do Azulejo, "Sargasso III" (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=232935)

Notas: Nº inv. 7001 Az. Azulejo que integram a coleção "Os Azulejos e os Oceanos", produzida na fábrica Viúva Lamego e editada pela Caixa Geral de Depósitos e Banco Nacional Ultramarino. Foi doado ao Museu Nacional do Azulejo pelo Sr. João Pinto (Sítio web Matriz Net [Em linha], [Consult. (2017-11-15)]. Disponível em: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=232935)


Obras neste inventário
Conjunto Habitacional na Avenida Infante Santo [Lisboa]

Revestimento cerâmico dos muros de suporte de terras
(Muros de suporte de terras da Avenida Calouste Gulbenkian, Lisboa)
Autor, Documentado




Referências Bibliográfias - Monografias