Capela do Senhor Morto
Convento de Nossa Senhora do Espinheiro
[Évora]


Visualização Hierárquica

Número:
IAPCEV00210103

Designação:
Capela do Senhor Morto

Projecto:
teseD(RSC) - A pintura do azulejo em Portugal [1675-1725]

Descrição:
Capela de planta rectangular, separada da nave por teia de balaustres com embutidos marmóreos intercalando com outros de madeira. A sua origem remonta ao século XV (1463) mas foi adquirida pelo cónego André de Sande, no final do século XVII, época em que foi objecto de intervenção com o objectivo de a transformar na sua capela funerária, e também de seus sobrinhos. A sepultura, com o brasão dos Sandes, encontra-se no pavimento, ao centro, com a seguinte inscrição: ESTA CAPELA MANDOU FAZER O R.O / ANDRE DE SANDE CONEGO NA S.TA SSE / DE EVORA P.A SEU JAZIGO DE SEVS SO / BRINHOS O R.O CONEGO JOÃO DE / LANDIM E SANDE SIMÃO DE LAN / DIM, E SEOS DESCENDENTES / FALECEO EM 16 DE NOVEMBRO / DE 1710. É decorada por mármores embutidos, destacando-se o retábulo. Os azulejos que revestem as paredes laterais simulam, no rodapé, este género de decoração marmórea, desenvolvendo, superiormente, episódios da vida de Cristo, a azul e branco.


Inventariante
- Rosário Salema de Carvalho (2013-06-17, Inserção da ficha)
- Rosário Salema de Carvalho (2013-07-04, Descrição)





Imagens: 4