Revestimento cerâmico da Sala dos Voluntários
Hospital de São José
[Lisboa]


Visualização Hierárquica

Número:
CHSJ1401

Designação:
Revestimento cerâmico da Sala dos Voluntários

Tipo de Património:
Azulejo

Classificação:
Revestimento cerâmico\figurativo
Revestimento cerâmico\de padrão

Descrição:
O espaço é revestido por silhar de azulejos, em tons de azul e branco, superiormente recortados, com representações de cenas campestres. O programa desta sala deveria ser idêntico ao da ante-sacristia (CHSJ13), o que torna ainda mais evidente o apeamento de boa parte dos azulejos que, na sua origem, devem ter revestido as paredes deste espaço. Em sua substituição foi aplicado, em data incerta, um rodapé de azulejos de padrão oitocentista (parede 1, secção 3, parede 2, secção 1 e 2, parede 3, secção 1). A guarnição dos azulejos do século XVIII é constituída pela simulação de uma estrutura arquitectónica formada por pilastra de planta cruciforme em perspectiva, que surge apenas de um dos lados do painel, tornando-o assimétrico. A pilastra surge sempre do lado oposto a um vão e a guarnição desenvolve-se entre estes dois elementos tornando-se mais ornamentada quanto maior a secção. Das pilastras são visíveis três faces, sendo mais oculta a externa. A parte inferior ostenta pequeno atlante, uma figura infantil alada com asas que, com um dos braços, suporta o plinto onde assentam volutas. Da figura destaca-se a face neutra, de olhos fechados ou olhando para baixo. A pilastra é rematada inferiormente por um enrolamentos vegetalistas e é coroada superiormente, após o entablamento, por um vaso florido e recortado. Do lado oposto, a pilastra é substituída por motivos diversos: uma voluta decorada por folha de acanto e flor de onde sai uma "grega" ladeada de folhas e, por cima desta, uma cornucópia de flores e frutos envolta em folha de acanto. A guarnição vertical é unida, inferiormente, por embasamento côncavo, com voluta decorada com flores e folhas de acanto, sendo que as dimensões e a configuração das mesmas se adapta ao espaço disponível. O entablamento, côncavo, apresenta frontão de volutas, enrolamentos, folhas de acanto e festões, sendo interrompido, antes de chegar ao eixo central.

Cronologia

- 1746-00-00 | Cerâmica\Século XVIII\Primeira metade\Grande Produção Joanina [Revestimento]
DGARQ/TT, Cartório Jesuítico, op. cit., fl. 82


- 1740-00-00 | 1750-00-00 | Cerâmica\Século XVIII\Primeira metade\Grande Produção Joanina | c. 1740 [Revestimento]
2003 - SERRÃO, O Barroco [...], p. 223




Autorias
- Valentim de Almeida - Pintor (Atribuído - José Meco - visita promovida pelo SOS Azulejo, em 2010/05/03)




Iconografia
» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48C - artes, artistas\48C7 - música\48C75 - compondo música, músico com instrumento\48C752 - uma pessoa a tocando um instrumento\48C7525 - uma pessoa tocando instrumento de sopro\48CC7525 - uma pessoa tocando instrumento de sopro - CC - no exterior
[Parede 1, secção 1]
Descrição: Secção de remate recortado, com cena campestre com um homem a tocar um aerofone, possivelmente uma charamela. Este, encontra-se sentado e encostado a uma árvore não identificada com trepadeiras, junto ao canto esquerdo da composição. Veste casaca e calção e exibe chapéu de aba larga. Aos seus pés observa-se um cão (Canis lupus familiaris) deitado, e à sua frente, também no chão, vê-se uma foice de cabo longo e um alforge. Num plano mais afastado avista-se um forte com torre de forma cilíndrica. O pano de fundo é formado por montes e, sob o lado esquerdo, encontra-se um casario, assim como árvores da família das Cupressaceae.

Localização: Parede 1, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\46 - vida económica e social, transporte e comunicação\46A - vida comunitária\46A1 - estratificação social, grupos sociais\46A12 - nobreza, fidalguia
[Parede 1, secção 2]
Descrição: Secção de remate recortado, com representação de cena campestre com (partida de) cavaleiros. A composição é dominada, ao centro, pela representação de dois fidalgos montados a cavalo (Equus caballus), gesticulando entre si, e um terceiro, no chão, que se prepara para agarrar duas trouxas ou embrulhos de pano. Os homens vestem casaca e usam tricórnio. Do cavalo pertencente ao homem apeado caem longos panos. À direita, observa-se um edifício em ruínas, coberto de árvores e vegetação no topo e pontuado por trepadeiras junto à entrada. Em primeiro plano, em cima de uma pequena elevação, estão dois homens sentados, de costas para o observador. Usam chapéu de abas largas e parecem assistir à partida dos fidalgos, segurando, cada um deles uma vara. Do chão brota vegetação de folha larga e comprida. Refira-se que a cena principal, com os fidalgos e os dois homens sentados de costas voltadas, apresentam grandes semelhanças com os personagens de um painel da Escadaria Nobre (CHSJ0415), sugerindo recurso à mesma fonte de inspiração, provavelmente uma gravura.

Localização: Parede 1, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\47 - oficios e indústrias\47I - agricultura, criação de gado, horticultura, floricultura, etc.\47I2 - criação de gado, indústria pecuária\47I22 - ocupações - gado\47I221 - pastoreio, vaqueiro, vaqueira, pastor, pastora, etc.
[Parede 3, secção 2]
Descrição: Secção de remate recortado, com representação de cena de lazer em zona estuarina, com pastor e homens a pescar. Em primeiro plano e sobre a esquerda, está provavelmente um pastor, montado num burro ou potro e sentado com as duas pernas para o mesmo lado. O burro (Equus asinus) carrega também alforges. À sua volta circulam ovelhas (Ovis aries) e cabras (Capra sp.), duas delas deitadas entre pedregulhos e, ainda em primeiro plano um arbusto de folhas largas. Um pouco atrás do pastor está uma pessoa, atrás de uma rocha. Transporta um cesto à cabeça, com um pano que deve proteger o seu conteúdo. Em segundo plano e do lado esquerdo, observam-se dois homens, um de pé e outro sentado. Ambos usam casaca e chapéu de abas ou tricórnio. O que está de pé segura uma vara na mão, possivelmente uma cana de pesca. Junto à margem e a uma árvore, encontram-se outros dois homens a pescar, um de pé com chapéu, e outro sentado, segurando cada uma a sua cana de pesca. As duas margens dos cursos de água integram altas escarpas e rochas, onde se acolhem casarios, e do lado direito edifícios com pináculos atrás dos quais se observam árvores da família das Cupressaceae. Ao longe avistam-se duas embarcações.

Localização: Parede 3, secção 2





» 3 - Ser Humano, Humanidade\31 - homem em sentido biológico geral\31B - mente, espírito\31B1 - dormindo, inconsciência\31BB1 - dormindo, inconsciência - BB - no exterior\31BB19 - repousar - BB - no exterior
[Parede 3, secção 3]
Descrição: Secção de remate recortado, com representação de cena campestre com homem a descansar e curso de água. Em primeiro plano, um homem de casaca, calção e lenço ao pescoço e chapéu de abas encontra-se sentado no chão, encostado a uma árvore não identificada, com trepadeiras. Está com a cabeça apoiada no braço e as pernas cruzadas. Parece contemplativo ou a descansar. Junto a si, no chão, estão uma vara e um alforge. Em segundo plano, observa-se um curso de água onde veleja pequena embarcação. Ao longe parece distinguir-se um casario.

Localização: Parede 3, secção 3





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\46 - vida económica e social, transporte e comunicação\46A - vida comunitária\46A1 - estratificação social, grupos sociais\46A12 - nobreza, fidalguia
[Parede 4, secção 1]
Descrição: Secção de remate recortado, com representação de paisagem fluvial. Em primeiro plano, e à esquerda, dois homens parecem conversar. Vestem roupas semelhantes, destacando-se a casaca e o tricórnio. Um deles encontra-se de pé virado para o observador e aponta com o dedo para cima. O outro, sentado talvez na raiz da árvore, de pernas cruzadas, foi representado de perfil. Ambos estão junto a árvores distinguindo-se ainda por trás parte de um elemento arquitectónico. O solo, em primeiro plano, é marcado pela irregularidade de pedras, raízes ou outro tipo de vegetação, entre esta observa-se um cão (Canis lupus familiaris) a ladrar virado para o rio. No leito do rio, em segundo plano, um barco a remos transporta três pessoas duas das quais utilizam os remos. A composição apresenta, ao fundo e em posição de destaque, um edifício cónico com colunas e pináculo, atrás de uma ponte de três arcos de volta perfeita, que atravessa o rio. À esquerda observa-se arvoredo e do lado oposto um casario. Mais atrás surgem árvores, algumas das quais pertencentes à família das Cupressaceae.

Localização: Parede 4, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\43 - recriativo, divertimento\43C - desportos, jogos e demonstrações físicas\43C1 - desportos, jogos - animais\43C12 - pesca (desporto)\43C121 - pesca à linha
[Parede 4, secção 2]
Descrição: Secção de remate recortado, com representação de cena náutica e homens a pescar. Em primeiro plano observa-se um barco de médio porte, atracado junto à margem. Apresenta um mastro e vela rectangular içada, ostentando ainda algumas bandeiras. No seu interior encontra-se um homem a mexer nas velas, sendo ainda visível alguma parafernália. Na margem observa-se uma figura masculina sentada, a pescar. De costas para o observador, exibe chapéu e segura cana de pesca. Do lado esquerdo, e um pouco mais ao fundo, surgem dois barcos atracados, com um homem sentado em cada um deles. Novamente na margem e junto a grandes árvores, dois homens conversam. Num plano mais afastado e a meio do curso de água ladeado por duas margens, encontra-se um pequeno barco a remos que transporta quatro figuras. Na margem superior e abrigada sobre grande escarpa avista-se um forte com torres de vigia e casario interno.

Localização: Parede 4, secção 2







Padrões
» P-19-00038
Miragaia [tipo] | módulo 2x2
[Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1]

P-19-00038
Designação: Miragaia [tipo]
Módulo: 2x2
Localização: Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1





Ver ficha de Padrão






» C-19-00004
módulo 1x2/1
[Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1]

C-19-00004
Módulo: 1x2/1
Localização: Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1





Ver ficha de Padrão






» C-19-00004-ct01
[Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1]

C-19-00004-ct01
Localização: Parede 1, secção 3; Parede 2, secção 1 e 2; Parede 3, Secção 1





Ver ficha de Padrão








Informação Técnica

Material
Matéria transformada\Produto cerâmico\Azulejo [Azulejo]


Técnica
Cerâmica de revestimento\Técnicas de decoração\Faiança\À mão livre [Azulejo]


Cor
Azul [Pintura]
Branco [Vidrado]




Bibliografia - Monografias


Inventariante
- Patrícia Nóbrega (2010-04-19, Inserção da ficha)
- Patrícia Nóbrega (2010-04-19, Descrição)
- Ana Maria Costa (2010-11-19, Identificação da fauna e flora)
- Rosário Salema de Carvalho (2011-03-15, Inserção e reestruturação da ficha)
- Rosário Salema de Carvalho (2011-03-29, Revisão)
- Luzia Rocha (2012-09-04, Identificação dos instrumentos musicais)



Imagens: 7