Revestimento cerâmico do claustro - piso 0
Hospital de Santa Marta
[Lisboa]


Visualização Hierárquica

Número:
CHSM1001

Designação:
Revestimento cerâmico do claustro - piso 0

Tipo de Património:
Azulejo

Classificação:
Revestimento cerâmico\composição de repetição [Albarrada]

Descrição:
Claustro de grandes dimensões com quatro alas revestidas por painéis de azulejos de composição ornamental seriada, de remate recortado, em tons de azul e branco. Estes, assentes sobre um rodapé de azulejos monocromos brancos, apresentam uma gramática decorativa comum, mas a composição varia de acordo com as dimensões do espaço a revestir, pois os panos murários encontram-se seccionados pelos diversos vãos que aí se abrem. Os painéis apresentam uma sequência de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, envoltos por uma barra de enrolamentos de acanto e, sobre estas, como remate, observam-se elementos recortados: vasos aplicados no eixo das barras verticais e um frontão de volutas interrompido, ao centro. No caso dos painéis de dimensões intermédias, as volutas do remate são mais extensas, aí se recostando anjos a tocar flauta. Nos mais vastos, observa-se uma compartimentação das albarradas, separadas por barras verticais que se articulam com as horizontais numa estrutura única. Esta divisão é acentuada pelos remates recortados, com vasos no eixo das barras verticais e frontões ao centro de cada conjunto de albarradas. A parede Este é revestida por um painel único, sem compartimentação das albarradas, e no qual se observa a articulação entre as janelas e os remates do silhar. As janelas mais baixas são também envoltas pelo revestimento azulejar, aí observando-se painéis específicos com festões de flores e frutos. É possível que os painéis rectilíneos remontem ao século XVIII, mas os remates datam da intervenção de restauro efectuada em 1906 por José Vitória Pereira, que assinou alguns dos painéis.


Nota histórico-artística
Uma vez que o documento apenas refere as varandas do claustro, é possível equacionar se o revestimento dos primeiros anos do século XVIII foi aplicado no piso superior do claustro, do qual não resta qualquer vestígio, pois os azulejos que aí se encontram foram executados em 1906. Esta cronologia é coincidente com as albarradas do piso inferior, monumentalizadas em 1906 com as cabeceiras da autoria de José Vitória Pereira.
In the they surprise no fax payday loan are a smaller taxes.




Cronologia

- 1701-07-01 [Claustro]
Relatório de João Antunes sobre o estado de ruína do claustro (DGARQ/TT, Ex-AHMF, Cartórios dos Conventos, Convento de Santa Marta de Jesus, cx. 182, IV/F/165 (5), n.º 14 in SERRÃO - O Arquitecto Maneirista (...), p. 26)


- 1701-07-18 [Claustro]
Início das obras do claustro (DGARQ/TT, Ex-AHMF, Cartórios dos Conventos, Convento de Santa Marta de Jesus, cx. 182, IV/F/165 (5), n.º 13 in SERRÃO - O Arquitecto Maneirista (...), p. 26)


- 1703-00-00 | Cerâmica\Século XVIII\Primeira metade | Século XVIII, primeira metade [Revestimento]
Documentado - João Antunes procedeu à medição da obra do azulejo que João de Oliveira fez nas varandas do claustro (DGARQ/TT, Ex-AHMF, Cartórios dos Conventos, Convento de Santa Marta de Jesus, cx. 182, IV/F/165 (5), n.º 20 in SERRÃO - O Arquitecto Maneirista (...), p. 28; LÉON - Os painéis de azulejo sobre Santa Teresa (...), 1993, p. 163)


- 1705-00-00 [Claustro]
Conclusão das obras conforme recibo do Padre Manuel Pereira (DGARQ/TT, Ex-AHMF, Cartórios dos Conventos, Convento de Santa Marta de Jesus, cx. 182, IV/G/50 (1) in SERRÃO - O Arquitecto Maneirista (...), p. 26)


- 1906-00-00 | Cerâmica\Século XX\Primeira metade [Revestimento, remate superior]
Assinado | Parede 2, secção 5, parede 4, secção 3




Autorias
- José Estevam Cacella de Victoria Pereira - Pintor (Datado - 1906 - Remate superior e restauro do revestimento (parede 2, secção 5, parede 4, secção 3))

- João de Oliveira - Ladrilhador (Documentado - 1703 - João Antunes procedeu à medição da obra do azulejo que João de Oliveira fez nas varandas do claustro (DGARQ/TT, Ex-AHMF, Cartórios dos Conventos, Convento de Santa Marta de Jesus, cx. 182, IV/F/165 (5), n.º 20 in SERRÃO - O Arquitecto Maneirista (...), p. 28; LÉON - Os painéis de azulejo sobre Santa Teresa (...), 1993, p. 163))




Iconografia
» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 1, secção 1]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por vasos laterais colocados no eixo das barras verticais, e por um plinto central decorado com volutas, sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 1, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 1, secção 2]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais colocados no eixo das barras verticais e, por um plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 1, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 1, secção 3]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, por vezes convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Apresenta cornucópias sobre as volutas laterais e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores, seguido de cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. Do lado esquerdo do remate o motivo do plinto central é repetido, separado da decoração central por um outro vaso.

Localização: Parede 1, secção 3





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 2, secção 1]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 2, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 2, secção 2]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. Ladeiam a estrutura vasos semelhantes aos das extremidades. Revestindo o pano murário inferior da janela apresenta como motivo central um festão de flores e frutos, ladeado por barras exibindo enrolamentos de acanto. Na extremidade direita apresenta ao centro uma jarra de flores, sobre uma base ladeada por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por um único vaso colocado no eixo da decoração central.

Localização: Parede 2, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 2, secção 3]
Descrição: Secção de composição ornamental, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta ao centro uma jarra de flores, sobre uma base ladeada por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por um único vaso colocado no eixo da decoração central.

Localização: Parede 2, secção 3





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 2, secção 4]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais colocados no eixo das barras verticais e, por um plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 2, secção 4





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 2, secção 5]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. Esta continua inferiormente, revestindo o espaço sob o vão da janela do lado direito. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. Ladeiam a estrutura vasos semelhantes aos das extremidades.

Localização: Parede 2, secção 5





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 3, secção 1]
Descrição: Secção de composição ornamental, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta ao centro uma jarra de flores, sobre uma base ladeada por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por um único vaso colocado no eixo da decoração central.

Localização: Parede 3, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 3, secção 2]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate, que se articula entre as janelas, é constituído por uma sucessão de frontões de volutas, interrompidos ao centro, apresentando cornucópias sobre as volutas laterais assim como, um plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. A ladear cada uma destas estruturas encontram-se vasos, sendo de realçar os das extremidades, colocados no eixo das barras verticais.

Localização: Parede 3, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 3, secção 3]
Descrição: Secção representando uma barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta como decoração central a união de duas barras verticais, exibindo enrolamentos de acanto, ornamentada nos quatro cantos por elementos vegetalistas. O remate é constituído por um único vaso colocado no eixo da decoração central.

Localização: Parede 3, secção 3





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 4, secção 1]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 4, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 4, secção 2]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 4, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 4, secção 3]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. Ladeiam a estrutura vasos semelhantes aos das extremidades.

Localização: Parede 4, secção 3





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 4, secção 4]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores. Ladeiam a estrutura vasos semelhantes aos das extremidades.

Localização: Parede 4, secção 4





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 4, secção 5]
Descrição: Secção de composição ornamental seriada, com barra de enrolamentos de acanto e remate recortado, este último acrescentado em época posterior. O painel apresenta uma sequência alternada de albarradas de cestos de flores e frutos com jarras de flores, sobre bases distintas mas ligadas entre si por volutas. As barras exibem enrolamentos de acanto, convergindo para o centro das barras horizontais, onde desenham um motivo elíptico. O remate é constituído por vasos laterais, colocados no eixo das barras verticais e, por um frontão de volutas interrompido ao centro. Este apresenta cornucópias sobre as volutas laterais extensas, onde se recostam anjos a tocar flauta, e plinto central sobre o qual se ergue um vaso com flores.

Localização: Parede 4, secção 5







Informação Técnica

Material
Matéria transformada\Produto cerâmico\Faiança [Azulejo]


Técnica
Cerâmica de revestimento\Técnicas de decoração\Faiança\À mão livre [Azulejo]


Cor
Branco [Azulejo monócromo] - Rodapé
Branco [Vidrado]
Azul [Pintura]




Bibliografia - Monografias


Bibliografia - Periódicos


Inventariante
- Catarina Figueiredo (2010-07-05, Inserção da ficha)
- Ana Almeida (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Catarina Figueiredo (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Isabel Pires (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Patrícia Nóbrega (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Susana Flor (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Vanessa Leal (2010-06-15, Inventariação in situ)
- Lúcia Marinho (2010-11-26, Descrição)
- Lúcia Marinho (2011-04-11, Inserção e reestruturação da ficha)
- Rosário Salema de Carvalho (2011-04-27, Revisão)



Imagens: 11