Revestimento cerâmico da sala da Confraria do Santíssimo Sacramento
Igreja de São Mamede
[Évora]


Visualização Hierárquica

Número:
IAPCEV01770101

Designação:
Revestimento cerâmico da sala da Confraria do Santíssimo Sacramento

Tipo de Património:
Azulejo

Classificação:
Revestimento cerâmico\figurativo

Descrição:
Revestimento cerâmico em tons de azul e branco, aplicado em três das paredes da sala da Confraria do Santíssimo Sacramento. Nas paredes laterais, ambas com um banco de madeira a todo o comprimento, que interrompe a leitura do revestimento, o nível 1 dispõe secção única com várias cenas (pelo menos na parede 2), delimitada por barra de enrolamentos vegetalistas (B-18-00015) e, na vertical por colunas torsas (B-18-00016-V). No segundo nível, separado do primeiro por cercadura de arcos e acantos, a parede 1 é aberta por duas janelas que enquadram, ao centro, secção figurativa envolta por barra com figuras femininas entre festões de flores, frutos e "putti" sentados em golfinhos (B-18-00014-H-V). Nas áreas de menores dimensões, e sobre as janelas, observam-se ainda as mesmas barras que, na vertical, são aplicadas duas vezes. Na parede 3, a configuração é idêntica mas os vãos foram substituídos por simulações, com azulejos marmoreados roxos a imitar cantaria e, em vez das janelas, vasos floridos ladeados por aves. Na parede 2, ocupada pelo altar, apenas as áreas laterais a este apresentam azulejos com festões de flores presos superiormente com um laço. Na parede 4, onde se abre a porta de acesso à sala, este vão é enquadrado por azulejos marmoreados roxos a imitar cantaria e, no próprio vão, observam-se festões de flores também presos por laço. No nível 1, de cada um dos lados da porta, as secções são delimitadas por colunas torsas (B-18-00016-V), mantendo a mesma configuração das paredes laterais e, no nível 2, as secções são delimitadas pelas barras B-18-00014-H-V, partilhando a barra central. As horizontais adaptam-se ao vão de porta.

Cronologia

- 1699-00-00 | Cerâmica\Século XVIII\Primeira metade\Ciclo dos Mestres [Revestimento]
Datado - parede 1, nível 1, secção 1




Autorias
- Gabriel del Barco - Pintor (Assinado - parede 1, nível 1, secção 1)




Iconografia
» 7 - Bíblia\73 - Novo Testamento\73C - vida pública de Jesus: do seu Baptismo até à Paixão\73C8 - Cristo como professor (parte II) - parábolas e provérbios de Cristo\73C86 - parábolas e ditos proverbiais de Cristo - amor humano e divino\73C864 - a parábola do filho pródigo (Lucas 15:11-32)\73C8642 - despedida e partida do filho pródigo
[Parede 1, nível 1, secção 1]
Descrição: Numa paisagem campestre que ocupa toda a área da secção é visível, à esquerda e junto a algumas construções de entre as quais se destaca uma escadaria, um grupo de figuras. Em primeiro plano um homem mais velho despede-se de outro, jovem, ou seja, o pai e o filho pródigo. Ao centro, inscrito num edifício arruinado, parece encontrar-se o nome do autor destes azulejos - Gabriel del Barco. No canto direito observa-se ainda um eremita.

Localização: Parede 1, nível 1, secção 1





» 1 - Religião e Magia\11 - Religião cristã\11Q - adoração de Deus\11Q7 - adoração pública e litúrgia das Igrejas cristãs\11Q73 - serviço divino - Igrejas cristãs\11Q732 - os sete Sacramentos da Igreja Católica Romana\11Q7324 - a Eucaristia - o quarto dos sete sacramentos\11Q73243 - glorificação, triunfo da Eucaristia
[Parede 1, nível 2, secção 1]
Descrição: Secção representando uma alegoria à Eucaristia, uma figura sentada num trono, entre nuvens, exibindo a mitra papal e segurando na mão o Santíssimo Sacramento. Rodeiam-na várias outras alegorias. À esquerda uma delas apresenta uma filactera com uma inscrição, enquanto outra traz na mão algumas espigas de trigo, símbolo eucarístico. Do lado direito, duas alegorias conversam, uma delas trazendo consigo um crucifixo e uma coluna, a outra com um cisne. Em baixo, observando a cena, está a alegoria à Esperança, com uma âncora.

Localização: Parede 1, nível 2, secção 1





» 7 - Bíblia\73 - Novo Testamento\73C - vida pública de Jesus: do seu Baptismo até à Paixão\73C8 - Cristo como professor (parte II) - parábolas e provérbios de Cristo\73C86 - parábolas e ditos proverbiais de Cristo - amor humano e divino\73C864 - a parábola do filho pródigo (Lucas 15:11-32)\73C8646 - o filho pródigo regressa a casa, onde o seu pai o espera
[Parede 3, nível 1, secção 1]
Descrição: Numa paisagem campestre observa-se, à esquerda e junto a algumas construções, observa-se um grupo de figuras, uma das quais desmontando um cavalo, ou seja, o filho pródigo que regressa a casa. Do lado oposto é visível uma outra cena representando o filho pródigo encostado a uma árvore, aludindo ao tempo em que viveu entre os porcos, um dos quais se encontra junto a si, estando ambos perto de uma cabana.

Localização: Parede 3, nível 1, secção 1





» 7 - Bíblia\73 - Novo Testamento\73C - vida pública de Jesus: do seu Baptismo até à Paixão\73C8 - Cristo como professor (parte II) - parábolas e provérbios de Cristo\73C86 - parábolas e ditos proverbiais de Cristo - amor humano e divino\73C864 - a parábola do filho pródigo (Lucas 15:11-32)\73C8645 - o filho pródigo a guardar porcos e a comer da sua cuba
[Parede 3, nível 1, secção 1]
Descrição: Numa paisagem campestre observa-se, à esquerda e junto a algumas construções, observa-se um grupo de figuras, uma das quais desmontando um cavalo, ou seja, o filho pródigo que regressa a casa. Do lado oposto é visível uma outra cena representando o filho pródigo encostado a uma árvore, aludindo ao tempo em que viveu entre os porcos, um dos quais se encontra junto a si, estando ambos perto de uma cabana.

Localização: Parede 3, nível 1, secção 1





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 3, nível 2, secção 1]
Descrição: Secção com um vaso de flores, com duas asas e bojo profusamente decorado, estando ladeados por dois pássaros.

Localização: Parede 3, nível 2, secção 1





» 1 - Religião e Magia\11 - Religião cristã\11P - a Igreja (como instituição)\11P1 - representações alegóricas e simbólicas - a Igreja e a Religião\11P11 - a Igreja personificada, "Ecclesia", habitualmente com cálice e estandarte\11P110 - triunfo da Igreja (ou Religião)
[Parede 3, nível 2, secção 2]
Descrição: Sentada num trono sobre uma nuvem encontra-se a alegoria à Igreja, trazendo consigo um crucifixo e um sol. À volta desta figura central encontram-se outras alegorias. Uma delas, em primeiro plano e de costas voltadas para o observador faz-se acompanhar por um alaúde. Outra segura numa filactera. Deitado no chão sob o trono da Igreja e de mãos amarradas atrás das costas encontra-se um homem, representando a heresia.

Localização: Parede 3, nível 2, secção 2





» 4 - Sociedade, Civilização, Cultura\48 - arte\48A - arte e público, estilos e ornamentação\48A9 - estilísticas e formais diferenciações de arte\48A98 - ornamentos, arte\48A983 - ornamentos derivados de formas vegetalistas\48A9833 - flores - ornamento
[Parede 3, nível 2, secção 3]
Descrição: Secção com um vaso de flores, com duas asas e bojo profusamente decorado, estando ladeados por dois pássaros.

Localização: Parede 3, nível 2, secção 3





» 1 - Religião e Magia\11 - Religião cristã\11M - "Sapientia" e as Sete Virtudes, i. e., as três virtudes teologais e as quatro virtudes cardeais\11M3 - as três virtudes teologais\11M33 - Caridade, "Caritas", "Carità" (Ripa) - uma das três virtudes teologais
[Parede 4, nível 1, secção 1]
Descrição: Secção representando a Caridade, uma figura feminina acompanhada por três crianças.

Localização: Parede 4, nível 1, secção 1





» 1 - Religião e Magia\11 - Religião cristã\11M - "Sapientia" e as Sete Virtudes, i. e., as três virtudes teologais e as quatro virtudes cardeais\11M3 - as três virtudes teologais\11M32 - Esperança, "spes", "Speranza divina e certa" (Ripa) - uma das três virtudes teologais
[Parede 4, nível 1, secção 2]
Descrição: Secção representando a Esperança, uma figura feminina abraçada a uma âncora.

Localização: Parede 4, nível 1, secção 2





» 7 - Bíblia\71 - Antigo Testamento\71E - Êxodo, Levítico, Números, Deuterónimo, Josué: desde o cativeiro dos israelitas no Egipto à fixação em Canaã\71E1 - O Livro do Êxodo: história de Moisés e Aarão\71E12 - Êxodo (segunda parte): viagem de Israel para o Monte Sinai\71E126 - Moisés faz brotar água do rochedo (Êxodo 17:1-7, Números 20:2-13)\71E1263 - Moisés bate no rochedo duas vezes perante uma assembleia e a água jorra, as pessoas saciam a sua sede
[Parede 4, nível 2, secção 1]
Descrição: Secção representando Moisés a jorrar água em pleno deserto, perante a admiração dos que seguiam com ele.

Localização: Parede 4, nível 2, secção 1





» 7 - Bíblia\71 - Antigo Testamento\71E - Êxodo, Levítico, Números, Deuterónimo, Josué: desde o cativeiro dos israelitas no Egipto à fixação em Canaã\71E3 - Números: a peregrinação no deserto, os Israelitas deixam o Monte Sinai e chegam a Canaã\71E32 - Números (parte II): a viagem de Kadesh para Moab\71E324 - a serpente de bronze (Números 21:4-9)\71E3243 - qualquer um que seja mordido por uma cobra é curado ao olhar para a serpente de bronze; a serpente (ou dragão) é normalmente representada numa cruz em forma de T ou num pilar
[Parede 4, nível 2, secção 2]
Descrição: Secção representando Moisés que vence as serpentes do Faraó, as quais agora perseguem os inimigos do povo judeu. No canto direito, algumas figuras ajoelham perante esta acção.

Localização: Parede 4, nível 2, secção 2







Padrões
» B-18-00014-H-V
[Parede 1, 3 e 4, nível 2]

B-18-00014-H-V
Localização: Parede 1, 3 e 4, nível 2





Ver ficha de Padrão






» B-18-00015
módulo 2x7/14
[Parede 1, 3 e 4, nível 1]

B-18-00015
Módulo: 2x7/14
Localização: Parede 1, 3 e 4, nível 1





Ver ficha de Padrão






» B-18-00015-ctr01
[Parede 1, e 3, nível 1]

B-18-00015-ctr01
Localização: Parede 1, e 3, nível 1





Ver ficha de Padrão






» B-18-00016-V
módulo [e-d]
[Parede 1, 3 e 4, nível 1]

B-18-00016-V
Módulo: [e-d]
Localização: Parede 1, 3 e 4, nível 1





Ver ficha de Padrão








Informação Técnica

Material
Matéria transformada\Produto cerâmico\Faiança [Azulejo]


Técnica
Cerâmica de revestimento\Técnicas de decoração\Faiança\À mão livre [Azulejo]


Cor
Azul [Pintura]
Branco [Vidrado]




Bibliografia - Monografias


Bibliografia - Periódicos


Inventariante
- Patrícia Monteiro (2005-05-04, Inventarição in situ)
- Patrícia Monteiro (2005-00-00, Descrição)
- Sílvia Mestre (2005-05-04, Inventariação in situ)
- Sílvia Mestre (2005-00-00, Descrição)
- Isabel Pires (2006-02-00, Inserção e revisão)
- Patrícia Nóbrega (2010-07-05, Inserção)
- Rosário Salema de Carvalho (2012-03-07, Revisão)
- Rosário Salema de Carvalho (2013-07-15, Investigação e inserção de dados no âmbito da tese - A pintura do azulejo em Portugal [1675-1725] [...])



Imagens: 4