Número:
P-15-16-00019

Modulo:
1x1/1

Descrição:
Padrão policromo, desenvolvendo uma malha ondulada de faixas castanhas e verdes. As castanhas determinam reservas quadrilobuladas unidas por anéis azuis e amarelos (âmbar), e outras lobuladas, inscrevendo florão azul e amarelo (âmbar) com núcleo branco. As faixas verdes, que se entrelaçam nas castanhas, unem-se no florão das reservas polilobadas e, nas reservas quadrilobuladas, adquirindo folhagem, através de anéis com contas azuis terminando em anel castanho e motivo vegetalista azul e amarelo (âmbar). Trata-se de um padrão comum, produzido na técnica de aresta, característico da produção sevilhana do início do século XVI.

Ritmo Visual:
Em repetição o padrão permite a observação de ritmos ondulatórios.

Cronologia

- 1501-00-00 | 1540-00-00, Cerâmica\Século XV e XVI [final e início]\Hispano-mourisco
[Manufactura]
Atribuído - [1948] SANCHO CORBACHO - La carámica andaluza (...), p. 22


Informação Técnica

Técnica
Cerâmica de revestimento\Técnicas de decoração\Aresta


Cor
Branco [Vidrado colorido]
Amarelo [Vidrado colorido]
Azul [Vidrado colorido]
Castanho [Vidrado colorido]
Verde [Vidrado colorido]




Inventariante
- Rafaela Xavier
Catalogação de padrões no âmbito da tese de Mestrado "Catalogação de Azulejos Hispano-Mouriscos em Portugal: o Palácio Nacional de Sintra como estudo de caso" (2019-06-11, Autoria)
- Rosário Salema de Carvalho
Catalogação de padrões no âmbito da tese de Mestrado "Catalogação de Azulejos Hispano-Mouriscos em Portugal: o Palácio Nacional de Sintra como estudo de caso", de Rafaela Xavier (2019-06-11, Coordenação e revisão)
- Gilberto Figueiredo (2019-04-29, Tratamento digital da imagem)
- Eduardo Leitão (2019-04-29, Tratamento digital da imagem)


Revestimentos In situ
Revestimento cerâmico da Capela
Palácio Nacional de Sintra
[Sintra]


Imagens: 6